AMAZON INVESTE EM TECNOLOGIA DE ROBÔ QUE REALIZARÁ ENTREGAS DIRETAS AO CONSUMIDORES

A gigante da tecnologia está montando um novo “Centro de Desenvolvimento” para dar suporte ao Amazon Scout, um robô de entrega totalmente elétrico e autônomo que está sendo testado em quatro locais dos Estados Unidos.




Duas dúzias de engenheiros ficarão inicialmente baseados no Amazon Scout Development Center em Helsinque (Finlândia), disse a empresa, acrescentando que eles estarão focados em pesquisa e desenvolvimento.


Um de seus principais objetivos será desenvolver um software 3D que “simule a complexidade da vida real” e garanta que “o Scout pode navegar com segurança enquanto faz entregas”, disse a Amazon.

“A equipe do Amazon Scout em Helsinque crescerá com o tempo”, disse a empresa. “Agora estamos contratando engenheiros que estão na vanguarda da robótica e da tecnologia de sistemas autônomos.”


O lançamento do novo centro de desenvolvimento em Helsinque acontece meio ano depois que a Amazon supostamente adquiriu a empresa de modelagem 3D local Umbra, que também tem escritórios nos EUA e na região da Ásia-Pacífico, segundo informações do LinkedIn. Fundada em 2006, a Umbra arrecadou US$ 3,4 milhões de investidores antes de ser adquirida.


“A Umbra capacita designers e engenheiros gráficos 3D a criar, otimizar, compartilhar e visualizar seus projetos em tempo real em praticamente qualquer dispositivo”, escreve a Umbra em sua página no LinkedIn. “Como o padrão estabelecido da indústria de jogos em otimização de gráficos por mais de uma década, a Umbra agora está redefinindo a visualização rápida para todos os ecossistemas da indústria que utilizam modelos 3D complexos.”


Não é incomum para a Amazon começar em uma nova cidade após uma aquisição local. De fato, a empresa estabeleceu uma presença em Cambridge, Reino Unido, após a aquisição da empresa start-up Evi Technologies, da AI.


A Amazon no Reino Unido começou com a aquisição da Bookpages, razão pela qual a Amazon ficou sediada na cidade inglesa de Slough por muitos anos.


A companhia informou que o centro de desenvolvimento em Helsinque trabalhará com a equipe da Amazon no laboratório de P&D da Amazon Scout em Seattle, bem como com as equipes em Tubingen, Alemanha e Cambridge, onde a Amazon vem desenvolvendo drones de entrega há vários anos.



Quase do tamanho de um pequeno refrigerador, os veículos do Amazon Scout podem transportar pequenos pacotes ao longo das calçadas em ritmo de caminhada.


Os robôs de entrega são amplamente vistos como um recurso potencialmente útil na entrega de última milha, mas também podem substituir centenas de milhares de empregos.


Eles também estão sendo desenvolvidos pela Starship Technologies, que foi criada em 2014 pelos cofundadores da Skype, Janus Friis e Ahti Heinla.


Em janeiro, a Starship disse que seus robôs completaram 1 milhão de entregas em países como o Reino Unido, Estados Unidos, Estônia e Alemanha


Tags: #HubInovaFema #Fema #Inovação #Ideias #NovosNegócios #Empreendedorismo #Consultoria #ConsultoriaDeInovação #Intraempreendedorismo #Business #Tecnologia #MetodolodiasAgeis #GestãoEficaz #CasesDeSucesso #Crowdsorcing #B2U #Universidades #Amazon #AmazonScout #Scout #EntregaRápida #Delivery


1 visualização0 comentário